Para um grande amigo

Hoje começo mais uma nova fase, é como se fosse ontem o último dia de aula daquele ano, iríamos nos formar no ensino fundamental, cada um iria para o seu lado, tudo seria diferente. Lembro-me das coisas que você me dizia, lembro-me de quando você me mandava ficar quieta quando falava besteira, quando contava aquelas piadinhas sem graça, mas pra mim tinha toda a graça… É mais uma vez passo o fim de mais um ano, e você simplesmente se vai e aqui fica vazio, muito vazio.

Ainda derramo àquelas lagrimas por você, mas derramo-as não por você e sim por lembrar de tantos os momentos vividos ao seu lado, de tantas as coisas aprendidas, de tantos choros, de tantas risadas, das vezes que você dizia que iria embora e no outro dia aparecia pra me ver. Mas eu nunca quis dar valor para a amizade pois eu queria muito além disso, mas você não se importava, mas mesmo assim nunca deixou de ser meu amigo.

É como eu ver você em todos os caras que eu vejo por aí, com a camiseta do Green Day, calça preta e all-star, enxergo nossa amizade nos sonhos sonhados, nos sonhos representados e nos sonhos escritos. É como lembrar dos momentos só nossos, apenas nossos, e esquecer de tudo que nos rodeava, das meninas que você gostava, e eu apenas apoiava, das meninas que você xingava e eu ria, das meninas que gostava de você e você desprezava-as , e eu me sentia aquela que mesmo não tendo nada com você sempre estava ali, ouvindo as suas besteiras.

E cara sempre te desprezava nos últimos anos, mas você não sabia o quanto fazia falta, o quanto eu tinha ciúmes das suas novas amizades, de quantas meninas tinham o prazer de te ver tocar, e eu não tinha mais esse acesso, é o tempo passou e você apenas se foi pra outro lugar, mas sei que sempre aparecerá, o destino já nos aprontou muito, sempre que ia, voltava, parece que algo te prende aqui, e eu apenas quero que viva, apenas viva os sentimentos, apenas curta os seus momentos, sinto saudade sim, mas o destino pode nos aprontar mais uma e você enfim voltará pra mim.

Hoje já não choro mais, apenas lembro, e sei que de longe deve estar com seu violão, ou com sua guitarra tocando aquela sua musica favorita que eu adorava, sem ao menos pensar, e apenas tocar por tocar. É cara espero que o tempo passe as coisas mudem, e no futuro eu possa contar nossas histórias pros meus filinhos, nossas aventuras, minhas lagrimas, nossas risadas. Sinto falta pra sempre, meu grande amigo! 

-Depois Que Tudo Aconteceu…

Soneto do Amigo

 

Enfim, depois de tanto erro passado 
Tantas retaliações, tanto perigo 
Eis que ressurge noutro o velho amigo 
Nunca perdido, sempre reencontrado. 

É bom sentá-lo novamente ao lado 
Com olhos que contêm o olhar antigo 
Sempre comigo um pouco atribulado 
E como sempre singular comigo. 

Um bicho igual a mim, simples e humano 
Sabendo se mover e comover 
E a disfarçar com o meu próprio engano. 

O amigo: um ser que a vida  não explica 
Que só se vai ao ver outro nascer 
E o espelho de minha alma multiplica…  

-Vinícius de Morais

Sintomas de paixão

Eu estou sentindo algo dentro de mim, e não sei exatamente o que é… Uns dizem que devem ser loucura, outros comentam que deve ser caso de internação, alguns simplesmente me disseram que tem cura e isso todo que eu estou sentindo é lindo é belo e é único.

É uma vontade louca de correr por ai e sair contando da minha felicidade, do que eu sinto do que eu penso. É uma coisa louca que me faz ficar diferente toda vez que chego perto de ti, meu coração se acelera sem eu pedir, minha mente  diz uma única coisa: -“Vá em frente”! Mas como eu vou seguir em frente?

É uma vontade louca de me entregar totalmente a você, de deixar você me fazer à pessoa mais feliz do mundo… Mas quando que chego perto de você eu fico sem graça, minha voz se perde, e eu fico sei lá um pouco boa um pouco tímida, mas isso logo passa quando você puxa seu lindo violão e começa a tocar músicas e começamos a cantar juntos, isso me faz tão bem…

Quero dizer-te logo o que sinto, quero me declaram, mas sempre vem o coração e nos manda esperar um pouco, ir com calma que com o tempo tudo se resolverá. Será que resolve? Sinto um pouco de medo, e começo a seguir a minha intuição, que sempre me diz pra te dizer tudo o que sinto.

Fui chegar até você pra tentar conversar, bater aquele papo de sempre, mais ai veio aquela suas amiguinhas… Não foi dessa vez! E a mente continua: – “Vá em frente”! Mas será que devo?

Consegui chegar em você puxei um assunto do nada, sua “amiguinhas” saíram, foi então que me declarei disse tudo que sinto, e você, foi chegando cada vez mais perto, e mais perto e mais… Foi então que você me beijou e disse que tudo o que eu o disse ele também sentia , e que não havia nada que nos impedisse de viver juntos.

Foi aí que juntos, sonhamos, brigamos, nos amamos, discutimos, e como todo relacionamento tem isso, além de brigas, discussões, e tudo que nos impede éramos felizes e muito! E assim seguiu nossa vida, um dependendo do outro e juntos conseguimos construir muitas coisas.

E o amor? Há o amor nos uniu cada vez mais, e venceu qualquer barreira que nos impadia, e hoje somos, felizes, e o que nos leva pra seguir em frente? Simplesmente não importar com pouca coisa, não importar com coisas que não nos faz bem, e assim seguimos nossas vidas eternamente felizes!